335º dia após a cirurgia Bariátrica ou Gastroplastia

Comecei o dia bem, mas... - 335º dia após a cirurgia Bariátrica ou Gastroplastia
Comecei o dia bem, mas...

Ontem comecei bem o dia, tomei um café da manhã bom com corn flakes e iogurte (uma caneca não muito cheia) e na hora do almoço resolvi encher o prato de salada antes de partir para o almoço em si… O resultado foi que eu só comi a salada pois não coube nada depois… Isso é bom… nem tanto. Olha só a importância da alimentação balanceada.

Mais tarde peguei o ônibus para Leme e acabei comprando uns chocolates. Se tivesse comido alguma carne no almoço com certeza poderia ter resistido com mais enfase à vontade de comer os doces. O problema dos doces é que quanto mais eu como mais eu quero comer.

Conversando com minha amiga Jô, professora da UFRJ, ela me contou que havia lido um artigo a respeito de dietas e de como elas atrapalham na perda de peso… isso mesmo. Depois vou até pedir para ela explicar pra gente essa história, mas basicamente foi um estudo feito com militares, onde haviam 2 grupos e um deles tinha a obrigação de fazer a dieta, isso os deixou meio neuróticos com os resultados. No final da dieta o grupo que tinha a obrigação de atingir o peso passou a comer 5x mais que o normal… SINISTRO, pois quando coloco na cabeça que preciso perder peso e deixar de comer as guloseimas que tanto gosto a vontade aumenta a ponto de ficar incontrolável!!!!!!

Jô, depois deixa um post explicando isso. Tá!

No dia seguinte… no caso, hoje… comecei o dia trocando fraldas e tudo mais e comi uns 2 pães de queijo, daqueles pequenos, tipo coquetel… e voltei a dormir. Hibernei até 13h da tarde e almocei bem, comi salada com carne o que me deixou mais disposto a não comer fora de hora.

Acabei comendo dois bombons ao longo do dia, mas até que não foi muito comparado à alguns dias atrás. Eu tenho

Contagem de palavras:335 Rascunho salvo às 21:54:13.

Campos Personalizados

certeza que a carne tem a ver com isso.

No final do dia comi o de sempre 1 pizza e meia e só.

Uma resposta para “335º dia após a cirurgia Bariátrica ou Gastroplastia”

  1. A pesquisa que citei é sobre as velhas conhecidas oscilações de peso. Eu encontrei esse comentário no site da revista Época; é um trecho de uma reportagem sobre Emagrecer sem tomar remédio (Revista Época de 16 de julho de 2011). Segue o trecho: “Durante a Segunda Guerra Mundial, o pesquisador Ancel Keys, da Universidade de Minnesota, realizou um experimento que se tornaria um clássico. Pretendia responder a uma questão simples: o que aconteceria se homens jovens e saudáveis perdessem muito peso em pouco tempo? Keys selecionou 36 rapazes de peso normal e saúde perfeita, na idade do serviço militar. Quando a dieta começou, eles passaram a comer metade das calorias que ingeriam normalmente. Além disso, caminhavam 35 quilômetros por semana. Em seis meses, haviam perdido 25% do peso. Liberados da dieta, passaram os três meses seguintes comendo alucinadamente. Recuperaram todo o peso perdido ou ficaram gordos. Durante a dieta, os rapazes ficaram obcecados pelo tema “comida”. Não pensavam em outra coisa. Keys observou que eles perderam o interesse até mesmo por sexo. Um dos voluntários foi encontrado vasculhando uma lata de lixo. Os garotos, que antes da experiência eram emocionalmente saudáveis, começaram a sofrer de depressão e irritabilidade. O metabolismo deles passou a funcionar lentamente. A temperatura corporal despencou, a frequência cardíaca idem. Em suma: o corpo fazia de tudo para conservar as calorias disponíveis. Quando a dieta chegou ao fim, os rapazes estavam encrencados. As refeições habituais deixaram de ser suficientes. Ingeriam alimentos muito mais calóricos e, ainda assim, se diziam insatisfeitos. Apenas uma hora depois de ter feito uma refeição de 5.000 calorias, começavam a beliscar. Alguns passaram a consumir 10.000 calorias por dia. Nas décadas seguintes, os cientistas perceberam que é exatamente isso o que acontece com os obesos que perdem muito peso de repente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *