584º dia após a cirurgia Bariátrica ou Gastroplastia

Putz… tá difícil resistir às tentações do dia-a-dia….

cirurgia bariátrica gastroplastia olha minha sócia me levando para o mal caminho.
Olha minha sócia me levando para o mal caminho.

Mas eu descobri o porquê. Cansaço. Ando acordando muito cedo e dormindo muito tarde por causa das minhas aulas à noite e depois acordando muito cedo, por volta das 6h por causa do meu pitoquinho de gente. Fora viagens toda a semana para o interior.

Quem lê o blog a bastante tempo já conhece o FISC: Lembra do Fisc???? (nunca coma quando você se sentir 1) Faminto, 2) Irritado, 3) Solitário ou 4) Cansado.)

Ando bem cansado e infalivelmente a minha vontade por chocolates e congeneres aumenta na mesma intensidade. Essa semana ando comendo muita besteira… demais mesmo, fui até no meu arqui-inimigo o Mc Donalds, e quase fui de novo… culpa exclusiva da minha sócia que fico me tentando, mas resisti bravamente.

O pior é quando vou ao supermercado e vejo aquele teto de ovos de páscoa… ai que vontade de comer todos!!! E essa vontade de comer todos é gordisse!!! Sabe é uma sensação que não tem fim, fica lá me atormentando… E a cada gordisse que eu faço aumenta o meu nível de stress pois sei que estou engordando e ai a vontade de comer mais aumenta de novo…

Cara… tá foda viu.

15 respostas para “584º dia após a cirurgia Bariátrica ou Gastroplastia”

  1. Ola Fe nunca tive coragem de comentar seus posts mas te acompanho desde que fiz minha cirurgia em 14/01/12, sua historia pos cirurgica é maravilhosa pois foi o unico que teve a coragem de dizer realmente o que passamos, vontades, dores, gordisses( rsrs) e tudo mais. Muita boa sorte e relaxa que nao é o unico que sofre comendo algumas coisas erradas, o que importa é que vc sabe o que deve fazer de certo!

    Boa sorte para nós!!!
    Ana C.

  2. Olá ana, boa noite!

    É muito bom ler depoimentos como o seu, o cotidiano das pessoas levam -as a uma alimentação errada, estou prestes a fazer minha cirurgia bariática, cada vez que leio esses depoimentos fico com mais coragem para realizá-la e deixar o medo para traz.
    parabéns para vc.

  3. Oi Fernando… Qto tempo e como as coisas mudaram, né? Na última vez em que te “visitei”, vc nem era pai ainda. Parabéns!!! Um filho muda tudo na vida da gente: as priorioridades, os valores, a rotina. É bom ter alguém pra cuidar assim.

    Vai fazer 18 meses que operei. Tudo mudou pra mim, e a mudança não foi só no meu tamanho. Conheço minhas limitações, mas sei pelo que você passa. Sou ansiosa por natureza e me mater na dieta é fogo. Por várias razões que nem vale a pena citar, tenho comido como uma draga, quase sem limites… Pra variar, descobri que adoro balas de gelatina e torresmo. Uma desgraça!!! Difícil segurar a tentação, ainda mais que trabalho a noite e tem um mercado em frente ao Hospital que fica aberto até a meia noite. E haja balas de gelatina e torresmo.

    São complicadas mesmo essas coisas da cabeça obesa da gente. Sabemos até onde podemos ir, sabemos o que não devemos fazer, mas na hora do vamos ver, essa compulsão é sempre maior.

    Não desanime. Continue firme e forte. Admiro sua força de vontade – ainda que hajam os deslizes – sua determinação, e a briga que mantém consigo mesmo todos os dias. É assim: um dia ganhamos, um dia perdemos. Não se cobre tanto. Procure ajuda. Sabe que nossa briga contra a balança vai ser pra sempre.

    Abraços a vc e sua família que cresceu.

  4. Bom dia Fernando
    estou vendo de talvez fzer a bariatrica, mas quantomais pesquiso, mais em duvida fico……vendo todas as consequencias que isso pode trazer, fisicas, psicologicas, muito embora faça regimes loucos ha 17 anos, penso: será que nao consigo sozinha, uma reeducação mesmo…. comer menos, mastigar mais, parar entre uma garfada e outra uns minutos…. estou me perguntando isso ao mesmo tempo que passo pelo psicologo par ao laudo…..até entao estava resolvida, agora, estas duvidas me pegaram de jeito…… e vendo seus posts, penso….eu tbm vou ter que lutar come stas vontades e fomes, e operada, o que é pior…… complicado ne…..um beijo e boa sorte…..

    1. infelizmente Benilde, o problema dos obesos não é comer é não parar de comer… ou seja, está na cabeça. Colocar a cabeça no lugar em primeiro lugar é o primeiro passo para o sucesso da sua cirurgia. A cirurgia serve para reiniciar sua vida, ela vai te fazer emagrecer bastante, mas não vai acabar com os velhos hábitos, isso é só com você… então se eu pudesse sugerir algo eu diria que você primeiro deve controlar sua compulsão por comida, ao menos entendê-la e só ai partir para a cirurgia caso não consiga emagrecer.
      Mas a cirurgia tem um preço, um deles é a falta de nutrientes importantes, você acaba ficando com deficiência, embora os cirurgiões neguem… eu por exemplo quando não tomo vitaminas queladas fico com meus braços formigando.
      É melhor não fazer, mas se sua qualidade de vida estiver em risco faça levando em conta os custos x benefícios, pois sempre há efeitos colaterais.

  5. Oi Fernando, estou com minha cirurgia marcada para 29/08. Leio sempre o seu blog e o da Fabíola Neves.Sei o que vou enfrentar mas ainda acho que apesar de tudo o que irei passar depois da cirurgia estou decidida, estou ansiosa porque ainda vai demorar um pouco mas também tenho connsciencia que esse tempo esta sendo importante para eu me preparar e o seu blog esta sendo muito útil para isso. Força sempre. Bjs

  6. Oi Fernando, faz um tempinho que não venho aqui. Eu fiz 3 meses de cirurgia e eliminei 30 kilos. Minha nutri não gostou – disse que é muito rápido… Enfim, tô feliz mas já tô fazendo gordices. Ontem no café da manhã comi café com açucar e leite integral, pão branco e queijo coalho. Fiquei com dó na consciencia!!!
    Mas ainda tenho dificuldade de lidar com o enjôo quando sinto o cheiro de comida do restô do trabalho. Vou ter que levar comida de casa. Você conhece um bom site com dicas de comidas práticas e congelamento???
    Bem… é mesmo um dia após o outro e a gente tem que começar a se acostumar aos poucos, respeitando nossos novos limites.

  7. OI,Fernando,estou pensando em fazer a cirurgia.Tenho a certeza que como pouco,nao ataco a geladeiranão faço refeiçoes noturnas,mas percebo que quando nervoso como mais e isto a cirurgia não vai resolver.Fiz varias dietas,perco muito com Atkins mas ganho muito qdo como carbo.Agora fiz implante onde tenho que tomar por seis meses,dieta liquida,o pior que sendo liquida,ganhei 15 kilos.Então,não e porque é liquida que emagrece.cada vez que perco peso,ganho o dobro,Desejo,que todos consigam o objetivo e estejam felizes.abraços

  8. Ola, eu me consultei com um cirurgião ha poucos dias e iniciei o processo de avaliações pre operatórias, porém estou um pouco inseguro a respeito, é a primeira vez que entro no blog e estou procurando informações e dicas, pode me ajudar?
    obrigado

  9. Passamos por coisas parecidas, tbm virei pai, mas de uma menina… minha família tbm só faz esse tipo de comidas.
    Enfim, fiz a cirurgia mais ou menos perto de quando vc fez, e fico sempre entre 105, 106 kgs..

    Abraço, e força!

  10. Fernando, seu “diário” faz falta… Vc é meu companheiro virtual!!rsrs É a 1a. vez q aqui escrevo aqui, mas sempre leio, desde qdo somente pensava em fazer a cirurgia.
    Sei q tem mta coisa desagradável no caminho, mas não desiste deste cantinho não…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *